top of page

14 CANDIDATOS NÃO RECEBERAM NENHUM VOTO NO PRIMEIRO TURNO

Neste ano, 14 candidatos não receberam sequer o próprio voto nas eleições gerais, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os casos foram registrados nas regiões Norte e Nordeste do país.


Todos os candidatos concorriam a uma cadeira na Câmara dos Deputados ou nas Assembleias Legislativas dos estados. Em Roraima, há a maior concentração desses casos: cinco não conseguiram pontuar nas urnas.


Em seguida aparecem Pernambuco, com três casos; Acre, com dois; e Ceará, Maranhão, Rondônia e Tocantins, com um caso cada.

Valclei Queiroz, presidente do Agir-RO, apontou a falta de verbas como uma das justificativas. “Os candidatos desistiram de fazer suas campanhas”, afirmou.


No Acre, Ambrozio Moura, que concorria pelo Agir, disse que recuou da disputa por não concordar com divergências internas do partido. O presidente da legenda no Acre, David Hall, também informou que outro candidato “sumiu” e não chegou a abrir a conta necessária para a campanha.


O número dos que ‘zeraram’ nas eleições é maior do que daqueles que receberam apenas um voto no pleito de 2 de outubro – data do primeiro turno. Neste ano, 12 candidaturas tiveram apenas um voto.


Roraima e Tocantins observaram três casos de voto único em concorrentes e Rondônia teve um caso. Bahia, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rio de Janeiro e São Paulo também contam com concorrentes que foram escolhidos apenas uma vez nas urnas.


🚨🚔🚑🚁🚒🚨

NOTÍCIAS DE Ⓜ️ARIALVA!

🤳🏻Plantão 24 horas pelo WhatsApp

📱(44) 9 9734-7144

Comments


bottom of page