top of page

GOVERNO TRABALHA PARA RETOMADA PRESENCIAL DAS AULAS EM 18 DE FEVEREIRO NO PARANÁ



O Governo do Paraná anunciou na tarde desta terça-feira, 15, que a Secretaria Estadual da Educação (Seed) trabalha para retomada presencial das aulas em 18 de fevereiro. O objetivo da Seed é adotar o ensino híbrido, com parte dos alunos nas salas e os demais acompanhando por meio da transmissão ao vivo.


De acordo com o secretário de Educação, Renato Feder, o limite de alunos em sala de aula será definido pelo distanciamento mínimo de 1,5 metro. Ele ainda destacou que não será obrigatória a presença física dos alunos em sala de aula. Essa decisão será tomada pelos pais. A intenção é que haja um revezamento semanal entre os estudantes dentro do próprio sistema.


Além disso, Feder explicou que, preferencialmente, os alunos que não têm tecnologia em casa irão às escolas. Caso não seja possível, o aluno continuará no mesmo sistema adotado em 2020, com material impresso.


“A sala será ocupada por oito ou dez alunos e os demais acompanham a aula de casa, com possibilidade de interação com o professor. É uma aula ao vivo, síncrona, onde o professor dá aula para uma turma de, por exemplo, 25 alunos, onde alguns estão na sala de aula e outros em casa”, destacou.


“Temos um protocolo de segurança construído junto com a secretaria de Saúde, onde as escolas terão álcool, termômetro, dispenser, macacões, toucas, luvas e botas. E será obrigatório o uso de máscara dentro da escola”, acrescentou o secretário de Educação.


De acordo com o governador Ratinho Junior, o planejamento para a retomada presencial das aulas na rede estadual de ensino vai de encontro às necessidades dos alunos e professores.


“Até a vacina se consolidar e imunizar toda a população, a gente ainda terá um ano de 2021, pelo menos parte dele, com adequações […]. Esse planejamento vem de encontro a uma necessidade, primeiro dos jovens voltarem a ter uma rotina, se não na sua totalidade, mas muito próxima dela, da convivência nas escolas, do convívio com os amigos, com os professores. Da mesma forma os professores com os alunos e diretores. A ideia é criar uma modelagem onde traga tranquilidade para alunos e professores e que nossos alunos possam voltar a ter o conteúdo na sua normalidade”, acrescentou Ratinho Junior.


Matrícula


Mais de 454 mil estudantes já estão matriculados para o ano letivo de 2021 nos colégios da rede estadual do Paraná. A expectativa é que mais de meio milhão de alunos ainda façam o procedimento até 18 de dezembro, quando acaba o prazo – que começou no último dia 24. A confirmação das vagas, tanto para matrícula inicial quanto para rematrícula, é online.


Para quem é estudante da rede estadual basta acessar a Área do Aluno — uma plataforma da Seed para consulta ao boletim escolar, emissão de declaração de matrícula, solicitação do histórico escolar e atualização cadastral. A Área do Aluno pode ser acessada em www.areadoaluno.seed.pr.gov.br.


Pais ou responsáveis legais de estudantes provenientes da rede privada, matriculados em instituições que não utilizam o Sistema Escola Web, ou de alunos que vêm de outros estados ou países, devem acessar o formulário destinado à sua região (Núcleo Regional de Educação – NRE), disponível no site da Seed.


Com informações da Agência Estadual de Notícias.


🚨🚔🚑🚁🚒🚨

NOTÍCIAS DE Ⓜ️ARIALVA!

🤳🏻Plantão 24 horas pelo WhatsApp

📱(44) 9 9734-7144

Comments


bottom of page